Pós-Anestésico em RPA disponível no AxReg



Após uma série de melhorias no aplicativo AxReg, disponibilizamos, em primeira mão, a versão beta da tão aguardada e solicitada: Avaliação Pós-Anestésica,  atendendo inicialmente o período pós-operatório em Sala de Recuperação Pós-Anestésica (RPA). 

A nova funcionalidade está disponível para 100% dos usuários com a versão mais atualizada do app. E para entender um pouco mais sobre o uso a ficha pós-anestésica em RPA, acompanhe esta publicação 😉

O módulo de Avaliação Pós-Anestésica em Sala de Recuperação Pós-Anestésica (RPA) vem fechando um ciclo da completude do produto AxReg, que tem como objetivo atender todo processo operacional que é designado por lei de responsabilidade principal do anestesiologista que são:

  • Consulta pré-anestésica: Realizada para que o anestesista possa analisar a viabilidade de saúde, condição física e histórico do paciente a ser submetido a uma anestesia.
  • Ficha transoperatória: Registra o procedimento anestésico em si durante a anestesia/cirurgia.
  • Avaliação pós-anestésica: período após a realização do procedimento anestésico/cirúrgico.

A Avaliação Pós-anestésica se divide em quatro períodos:

  • Pós operatório em Sala de Recuperação Pós Anestésica: momento que o paciente sai da sala cirúrgica e permanece no centro cirúrgico até apresentar condições clínicas favoráveis para liberação a outro setor do hospital ou ainda alta para casa, dependendo da ocasião – Responsabilidade do Anestesiologista;
  • Pós-Operatório imediato: Ocorre até 24h após o procedimento cirúrgico/anestésico – Responsabilidade da equipe multidisciplinar;
  • Pós-Operatório mediato: a partir das 24h do procedimento cirúrgico até a alta do paciente para casa (no caso de internações). –Responsabilidade da equipe multidisciplinar;
  • Pós-operatório tardio: pode levar até meses após o procedimento até que o paciente apresente melhora do quadro ou cicatrização da ferida operatória – Responsabilidade da equipe multidisciplinar e do paciente.

A versão disponível (beta) no AxReg atende o primeiro período: Pós-operatório em sala de recuperação pós anestésica (RPA) e considera o ciclo de responsabilidade exclusiva do anestesista por lei, trazendo as seguintes funções:

  • Análise personalizada dos sinais vitais;
  • Escala de Aldrete e Kroulik (AK) com indicadores de atenção e liberação do paciente baseada na pontuação adequada indicada na avaliação;
  • Avaliação do nível de dor;
  • Avaliação de náuseas e vômitos;
  • Área de observações para evolução ou inserção de informações relevantes como medicamentos e intercorrências;
  • Área de identificação da equipe médica;
  • Ação de encaminhamento de alta da RPA (Quarto, UTI, Enfermaria, etc.)
  • Indicação de óbito em RPA;
  • PDF com todas as informações no mesmo modelo de apresentação do pré e transoperatório;

Alguns dos projetos futuros são: evoluir a funcionalidade para os demais momentos de avaliação Pós-anestésica; disponibilizar a análise das variáveis do pós-anestésico em Dashboard; e desenvolver o Módulo multiprofissional, podendo atender além da operação e atividades designadas ao médico anestesiologista, assim como da equipe de apoio.

Este lançamento marca mais uma conquista para a anestesiologia brasileira que se qualifica para uma saúde digitalizada, sem uso de papel e com a capacidade de compilar e analisar dados com segurança, transparência e agilidade.

Para acompanhar todas as novidades sobre as soluções Anestech, siga-nos nas redes.

Patrícia Ilha

Autor:

Enfermeira, Mestre e Doutora em Enfermagem com ênfase em novas tecnologias para saúde. Gerente de Produto e DPO na Anestech. Atua na área de tecnologia e negócios em saúde desde 2012, trabalhando nas áreas de Planejamento Estratégico, Desenvolvimento de Produto e Desenvolvimento de Equipes.