Você domina Anestesia Venosa Total?

A anestesia venosa total ou TIVA, desde sua introdução na sua prática clínica enfrentou vários desafios. Provas de custo-efetividade, premissas de segurança, mercado, rotinas, hardwares e softwares, etc.

Com o passar da última década, a técnica ficou consagrada e evoluiu, sendo absorvida como condição sine qua non em iniciativas de excelência da prática anestésica, como o protocolo ERAS (Enhanced Recovery After Surgery) e outros que preconizam o uso da anestesia venosa total alvo-controlada em suas rotinas.

O bom uso da fisiologia e farmacologia por trás do acompanhamento farmacocinético e de biofase é o segredo do sucesso da técnica. O ato anestésico menos empírico e rico em informação e análise de dados produz resultados melhorados reconhecidamente alcançáveis já no despertar do paciente cirúrgico.

Alguns desafios ainda acompanham a evolução do uso rotineiro da Anestesia Venosa Total, como o domínio completo da técnica, as provas através de dados de sua melhor custo-efetividade na prática clínica dos serviços de anestesia, seu registro em prontuários anestésicos de forma clara e que possa ser resgatável em conhecimento e informação para profissionais e instituições, incluindo fontes pagadoras.

Existem alguns profissionais no Brasil que dominam muito bem a técnica de anestesia venosa total, mas poucos deles sabem ensinar 100% passo a passo todos os segredos que envolvem a técnica de anestesia venosa total e suas formas de monitorização.

É por isso que queremos te apresentar o Dr. Ricardo Simoni, um dos responsáveis do maior e melhor curso existente de anestesia venosa total do Brasil  e provavelmente do mundo.

Dr. Ricardo Simoni palestrando no evento Anestesia 4.0 2018

O Dr. Ricardo, juntamente com outros especialistas a partir do CAV (curso de anestesia venosa) já formou mais de 1000 médicos em todos os 25 estados da federação, e em suas aulas ensinam na prática desde o básico até o uso de drogas adjuvantes que potencializam muito a técnica e combatem aspectos indesejados como dor exacerbada no pós-operatório.

O Curso de Anestesia Venosa – CAV – há sete anos forma Anestesiologistas a lidarem com todas essas questões, e ainda agrega valor compartilhando a expertise de um time de profissionais com mais de 20 anos de prática.

Nos dias 15 e 16 de março vai acontecer a 14º edição do CAV Presencial que será na cidade de Campinas/SP, se você quer saber mais detalhes sobre este grande treinamento e deseja viver na prática essa experiência ao vivo, clique aqui para visitar o site oficial e assista o vídeo abaixo que o Dr. Ricardo gravou comentando mais sobre o curso.

 

Aproveite também e faça o faça o download da tabela de uso de drogas adjuvantes em anestesia venosa total alvo controlada no box abaixo, imprima ou guarde em seu smartphone para referência futura no momento do seu procedimento anestésico.


Avatar

Autor:

Diogenes é anestesiologista, sócio-fundador e CEO da Anestech Innovation Rising, startup ganhadora de vários prêmios nacionais, investida pelo Laboratório de Inovação do Hospital Albert Einstein - Eretz.bio - e incubada no MIDI Tecnológico ACATE em Florianópolis.

Posts relacionados

14/04/2019

Hipertermia Maligna: Um Relato Ilustrado de Um Caso Real

14/03/2019

Fármaco-Genômica e a Anestesia

07/03/2019

Profilaxia Antibiótica Peri-operatória: O Período Decisivo

13/02/2019

Em Tuas Mãos