Ficha Anestésica Digital X Ficha Anestésica de Papel



A ficha anestésica é o prontuário mais completo de um hospital. Ela contém dados fisiológicos e farmacológicos, que são informados pelo médico anestesista durante todo o procedimento cirúrgico. 

As principais funcionalidades da ficha anestésica são de construir um histórico do paciente. Ela funciona como base para médico com a evolução da anestesia.  
Além disso, auxilia na escolha de procedimentos futuros. Afinal, é um documento com dados estatísticos e que inclusive, é considerada como um registro legal. 

Grande parte das fichas anestésicas são preenchidas de forma manual, no papel. No entanto, as fichas digitais estão ganhando força. Por isso, nesse artigo você vai encontrar tudo que precisa saber sobre as diferenças entre a ficha anestésica digital e a ficha anestésica de papel. Continue lendo! 

Ficha anestésica de papel 

Usada a mais de 100 anos, a ficha anestésica de papel tem como vantagem o baixo custo. O necessário para ela, é apenar ter um layout e imprimir as cópias. Ela é simples de preencher e exige pouco conhecimento em informática.  

No entanto, ela pode conter: 

  • rasuras;  
  • problemas com legibilidade;  
  • falta de controle e avaliação dos dados;  
  • falhas na gestão para tomadas de decisão.  

Além disso, por se tratar de um documento no papel, a ficha pode se perder, o que expõe a segurança de informações e pode gerar sérias dores de cabeça. Afinal, estamos falando de um documento.  

Como deu para perceber, são mais desvantagens do que vantagens. Mas ainda assim, o registro de papel é mais utilizado em hospitais e instituições de saúde.  

Ficha anestésica digital  

A transformação digital veio para revolucionar o mundo. No setor da saúde ela tem apenas a somar. Por isso, a ficha anestésica digital é uma solução para a melhoria da gestão hospitalar. Através dela, é possível: 

  • ter mais eficiência nas anotações;  
  • segurança dos dados e informações do paciente, devido ao armazenamento em nuvem(inserir o link do post da segunda semana) 
  • eficiência durante o procedimento cirúrgico e qualidade dos dados, com valores precisos e legíveis.  

Além disso, a acessibilidade, pois é possível acompanhar o processo em tempo real, com mais de uma pessoa responsável monitorando as informações.  

Aliás, o registro da ficha anestésica digital oferece mais segurança. Pois reduz os riscos de erros na dosagem ou tipo de medicamentos. Uma vez que as referências ficam legíveis e mais evidentes em dispositivos móveis.  
 
E por último, mas não menos importante. A ficha digital tem como benefício a redução do tempo de registro do procedimento cirúrgico.  
Dessa forma, o anestesista perde menos tempo preenchendo papéis e passa mais tempo cuidando do paciente 

Curiosidades 

No início desse post falamos sobre o baixo custo da ficha anestésica de papel. No entanto, na era dos sistemas de software, fica claro que a ficha anestésica digital pode reduzir, e muito, os custos dentro de um hospital.  
Pois eliminam drasticamente a necessidade de compra e impressão de papel para o preenchimento de fichas em procedimentos cirúrgicos.  
Que aliás, a impressão pode gerar custos altíssimos.  
Além do prejuízo ambiental e comprometimento da organização. Pois os papéis são mais poluentes e ocupam mais espaço ao arquivados.  

A Importância da Ficha Anestésica  

A ficha anestésica é um documento completo sobre o paciente durante o procedimento cirúrgico. Através dela, é possível extrair indicadores importantes, que auxiliam na cirurgia e o bem-estar da pessoa.  
Além disso ela fornece dados valiosos, que contribuem nas tomadas de decisão. Para garantir segurança durante e depois da operação.  

Contudo, esses dados se perdem em folhas e fichas arquivadas. Devido o registro manual da ficha.  
Porém, a perda desses documentos pode acarretar em sérios problemas. Veja nesse post “A Importância do Arquivamento do Registro Anestésico”.  

A gestão da ficha anestésica digital é um grande avanço da tecnologia para as instituições de saúde. Elas podem ampliar a segurança dos anestesistas, médicos e pacientes.  

A sua instituição ainda usa a ficha de papel? O Futuro é agora! Tenha a inovação perioperatória na palma da sua mão. Clique Aqui. 


           
Posts relacionados